São Paulo, 16 de Janeiro de 2019.

"Dinheiro é uma coisa muito útil de se ter. Na verdade, quanto mais você ganha, menos parece que você toca." (Charlie Watts, Rolling Stones)
lll Agenda de Shows
lll Agenda de Shows Cover
lll Álbum de Fotos
lll Baladas Rock 'n Roll
lll Banda da Semana
lll Bandas
lll Bandas Independentes
lll Casas de Shows
lll Colaboradores
lll Colunas & Artigos
lll Direto da Redação
lll Discografia
lll Entrevistas
lll Fale Conosco
lll Lançamentos
lll Letras de músicas
lll Livros
lll MEU ROCK IN SAMPA
lll Meus Dados
lll Promoções
lll Rádios Rock de SP
lll Reviews CD's
lll Reviews Shows




ASSINE ROCK IN SAMPA




lll Login..............

Email:

Senha:



Ache e compre seu CD aqui:



Bandas / Artistas





Smashing Pumpkins , por Marcelo Pinto
Billy Corgan começou a tocar guitarra aos 14 anos, em parte por causa de seu pai (um guitarrista profissional de jazz) e em parte pelo seu amor aos discos do ano 70. Suas maiores influências foram bandas como os Beatles, Black Sabbath, Cheap Trick, David Bowie, Judas Priest e Jimi Hendrix . Montou sua primeira banda, o The Marked, que não durou mais de 9 meses.

Resolveu então, trabalhar numa loja de discos usados. Nessa época, por volta de 1987, o guitarrista James Iha, um estudante de artes gráficas, visitava a loja freqüentemente para comprar alguns discos e os dois logo se interessaram em montar uma banda juntos. Iha acabou desistindo e entrando para o Snake Train. Pouco tempo depois, o Snake Train havia acabado e ele voltou a fazer contato com Corgan.

Um dia, Corgan e Iha foram a um bar assistir ao show de uma banda local. Não gostando do que estavam ouvindo, começaram a fazer algumas críticas. D'Arcy Wretzky, fã do grupo, foi tirar satisfação com eles. Nessa discussão, ficaram sabendo que ela tocava baixo e na mesma noite, os três resolveram formar uma banda, o Smashing Pumpkins.

Começaram a se apresentar em pequenos clubes usando uma bateria eletrônica, até que Jimmy Chamberlin entra para completar a formação. O público aumenta a cada show da banda, até que, em 1991, o Smashing Pumpkins assinou um contrato com a Caroline Records, uma subsidiária da Virgin, lançando assim o primeiro álbum, intitulado "Gish". Esse disco foi produzido por Butch Vig, líder do Garbage e também produtor de "Nevermind", do Nirvana (que saiu na mesma época).

Logo em seguida, a banda partiu para uma extensa turnê que duraria 18 meses. Muitos problemas ocorreram nesse período e quase culminaram com o fim do grupo. D'arcy e Iha que estavam saindo juntos brigaram, Chamberlin estava bebendo e se drogando muito e Corgan estava muito deprimido.

No fim da turnê de "Gish", em setembro de 1992, a banda se concedeu um perídodo de descanso, mas logo a Virgin começou a pressioná-los para a gravação de um novo disco. Sai então em 1993, "Siamese Dream" (com Butch Vig novamente). O disco entrou direto para o Top Ten da Billboard e a o Smashing Pumpkins conquista de vez os norte-americanos.

Em vários momentos do álbum, Corgan fala sobre sua mãe, que abandonou ele e o irmão quando ainda eram crianças. Em novembro, "Siamese Dream" ganha disco de platina, devido às 1 milhão de cópias vendidas e em abril de 1994, recebe o disco duplo de platina. Com todo esse sucesso, inicia-se uma nova turnê e a banda participa de praticamente todos os programas de TV e de rádio dos EUA.

Em Julho, o Smashing Pumpkins acaba se transformando no headliner do tradicional festival Lollapalooza. Inicialmente o Nirvana seria o headliner, mas com o suícidio de Kurt Cobain em abril, o Pumpkins (que já estava no cast de apresentações) foi escolhido para essa posição.

Em 1995, foi lançado o álbum duplo "Mellon Collie and the Infinite Sadness".Com esse disco, a banda, que já havia conquistado os EUA, ganha espaço em todo o mundo e entra logo de cara no topo da parada da Billboard, sendo hoje o "disco duplo mais vendido de todos os tempos".

No fim de janeiro de 1996, a banda toca no Brasil no festival Hollywood Rock. Em Março, "Mellon Collie and the Infinite Sadness" recebe seu sexto disco de platina, referente à impressionante marca de 6.000.000 de cópias vendidas nos EUA.

No ano seguinte, Corgan se separa da mulher, o tecladista Jonathan Melvin morre de overdose depois de uma noitada ao lado de Jimmy Chamberlin e sua mãe estava morrendo de câncer. Por causa da morte de Melvin, Jimmy foi expulso da banda até que se recuperasse do vício em heroína.

No começo de 1998, James Iha lançou um disco solo "Let It Come Down", com participação de D'arcy e da amiga Nina Gordon. Boatos da sobre a separação da banda começaram a surgir na mídia até que no dia 1º de junho do mesmo ano, o vídeo de "Ava Adore" estréia na MTV, e no dia seguinte, "Adore", o quarto disco do Smashing Pumpkins, é lançado. Esse álbum, segundo a própria banda, é o mais "difícil" da carreira do grupo. Houveram muitas participações especiais e novos elementos foram introduzidos na música do Smashing Pumpkins.

No dia 8 de julho, "Adore" recebe seu primeiro disco de platina. E a partir desse ponto as vendas começaram a cair, não correspondendo às expectativas da banda, que esperava que os fãs acompanhassem e aprovassem as mudanças que estavam acontecendo com o conjunto.

Jimmy Chamberlin largou as drogas e, em 1999, voltou a fazer parte dos Pumpkins. Pouco tempo depois, D'arcy deixou a banda. Billy e James afirmaram que o Smashing Pumkins não estava se separando, que a volta de Jimmy não tinha nada a ver com a decisão de D'arcy e que o novo disco, que já havia sido quase que totalmente gravado, não sofreria nenhuma alteração.

No ano de 2000, o Smashing Pumpkins rompe relações com a Virgin Records e em Fevereiro, é lançado "Machina - the machines of God". Começa oficialmente a "The Sacred and the Profane Tour" para divulgar o mais recente trabalho da banda.

Os clips de "The Everlasting Gaze" e "Stand Inside Your Love" fazem muito sucesso e aumentam as vendas do álbum. Porém, alguns meses depois do lançamento do novo disco, Corgan anuncia o fim do Smashing Pumpkins. O vocalista afirma que não houve briga entre os integrantes e que essa decisão foi muito bem pensada por ele. Corgan afirmou que "Machina- the machines of God" foi o último álbum da banda.

Logo depois, ele formou o Zwan, que também já encerrou suas atividades. Atualmente Billy Corgan se dedica a sua carreira solo em tempo integral.
Fonte: kissfm.com.br

Envie atualizações sobre Smashing Pumpkins :
Seu Nome:
Seu Email:
Informação:

Melhor visualizado com Mozilla Firefox > 1.0 ou I.E > 6.0 em 800x600.
RockInSampa.com.br - Todos os direitos reservados. A RockInSampa é uma publicação da Editora e Produtora Virtual.